Mulher gera uma reação alérgica e quase morre após transar com marido; entenda

Mulher gera uma reação alérgica e quase morre após transar com marido; entenda

Uma mulher de 46 anos foi parar direto na emergência do hospital após fazer sexo com o seu marido e ter uma reação alérgica ao remédio que ele estava tomando. O caso aconteceu na cidade de Baltimore, nos Estados Unidos, e foi analisado em um estudo publicado no The American Journal of Medicine.

De acordo os médicos responsáveis por tratar a paciente, ela chegou ao hospital apresentando sintomas de tontura, suor e um quadro de inflamação, que evoluiu: começou a ter coceira, diarreia e sua pressão caiu tanto que preocupou os profissionais.

Após realizar alguns exames, a equipe descobriu que a mulher estava tendo um caso de choque anafilático. Essa é a forma mais aguda de uma reação alérgica e deve ser tratada de forma rápida, já que pode levar à morte.

No artigo, os médicos que atenderam a paciente disseram que ela é alérgica à penicilina, uma substância presente em antibióticos. O contato com o antibiótico se deu por meio do sêmendo marido, que estava fazendo tratamento para um infecção com o medicamento.

E você, ficou surpreso? Essa não é primeira vez que algo do tipo acontece. Em março desse ano, uma mulher de 31 anos de Alicante, na Espanha, teve uma reação alérgica à amoxicilina após fazer sexo oral em seu parceiro. De acordo com os especialistas, é comum que alguns antibióticos se concentrem no sêmen masculino.

Já no caso da norte-americana, ela foi tratada pelos médicos e está fora de perigo, mas os médicos acreditam que o caso dela serve de alerta para os profissionais da saúde. “Embora as reações anafiláticas secundárias à transferência seminal de alérgenos sejam extremamente raras, o médico prescritor deve levar em consideração os riscos de reações alérgicas e efeitos colaterais adversos, não apenas para o paciente, mas também para a família”, escrevem os especialistas no artigo.

Envie seu comentário